Jolicloud OS 1.2

Este é um Sistema operacional* voltado à nuvem. É destinado a netbooks e à restauração de computadores antigos que já não suportam mais rodar as versões recentes do Linux, Windows e etc.

Como todos os aplicativos são voltados a este fim, você não encontrará inicialmente nada instalado nativamente**, somente apps da web, tais como Google Docs, Windows Live Office entre tantos outros. A variedade é grande, mas a necessidade de se permanecer 100% conectado pode ser um ponto negativo.

* É uma distribuição Linux baseada no Ubuntu.

**Há a opção de fazer instalações locais.

Fui no site oficial e baixei a imagem do Joli OS 1.2, gravei num pendrive e testei no meu velho notebook (Celeron 1.6 GHz, 2 Gb de ram). Após o boot, a primeira tela que vemos é esta:

você tem que estar conectado

Esta tela lembra a você da necessidade de estar conectado para ter acesso ao sistema. Então, é só configurar a conexão clicando no ícone ao lado da caixa de som e pronto. Assim que a conexão é estabelecida, vem a tela de login:

faça o login na sua conta

Aqui você pode acessar sua conta, caso não tenha uma pode criar escolhendo “Sign Up” ou usar sua conta do Facebook para entrar. Assim que o login é feito, vem a tela do sistema em si:

página 1

página 2

Esta tela principal não se parece em nada com o Gnome, KDE ou outro desktop, ela está mais para uma janela de navegador rodando em modo full screen.  E nesta tela podemos encontrar duas página onde se encontram vários dos aplicativos instalados.

Como eu não estou com uma versão instalada, mas sim no modo “live”, há um aviso na parte superior de que nenhuma das mudanças que eu fizer serão salvas. Assim como todo o sistema, o teclado está configurado para inglês, o que atrapalharia bastante na hora de digitar os sinais e símbolos especiais. Sendo assim é melhor configurá-lo clicando em “Keyboard Issue?” no canto direito da barra do aviso.

Para mudar o plano de fundo basta clicar no ícone no canto inferior direito da tela e escolher a imagem de sua preferência.

No painel superior, você pode acessar as diversas funções e locais do sistema. Por padrão, a página ativada é a “A”, creio que de aplicativos.  À sua direita temos o botão de atividades (antena parabólica), essa página funciona como a “Timeline” do Twitter, mostrando as atividades das pessoas que você segue:

Continuando à direita, temos o botão que leva para a página “This device”. Esta página mostra todos os dispositivos (pendrives, CDs, etc.) e pastas do computador:

Em seguida, temos o botão que leva à pagina “My Jolicloud”, onde você pode conferir informações sobre sua conta e um resumo de suas atividades:

Intalando programas

Estes são os botões de navegação, mas há ainda o botão “+” que permite adicionar mais aplicações ao sistema. Tanto aplicações na nuvem, as que funcionam direto na web tais como Google Docs, quanto aplicações locais como BrOffice podem ser instaladas:

Infelizmente, ou felizmente dependendo do seu ponto de vista, as aplicações locais são poucas e a grande maioria é composta de aplicações na nuvem. E pelo que pude ver, parecem ser as mesmas ofertadas pelo Chrome Web Store.

Pontos positivos:

Num mundo voltado cada vez mais à conectividade e interação pela web, o Joli OS parece transformar seu computador numa verdadeira rede social. É fácil de manusear e bem divertido de usar. É rápido e não apresentou nenhum problema durante o tempo em que usei. Tudo o que você precisa para o uso corriqueiro de um computador (acessar a web, mandar e-mails, recados ou twites) está lá e é fácil de acessar. A manutenção do sistema não é responsabilidade sua, inclusive não há nem uma área de administração do sistema.

Eu poderia destacar a detecção de hardware, mas meu notebook parece ser uma máquina universal em que qualquer coisa roda nele 😀

Pontos negativos:

Embora a conexão tenha permanecido persistente, minha conta foi “deslogada” algumas vezes. Quando isso acontece a gente volta lá para a tela de login, o que é bem irritante.

Opinião:

Joli OS é de uso bem específico! É para “webstations”, ou seja, para computadores que vão somente trabalhar conectados, fazendo principalmente tarefas online. É para aqueles que gostam de olhar Orkut, Facebook, twittar e ficar de bate-papo no Messenger, Skype ou no Gtalk. Se você usar o Joli OS como se fosse um sistema de desktop certamente irá se arrepender.

Vale ressaltar que ao escolher o Jolicloud, tenha a consciência de que é um sistema para acesso exclusivamente remoto, não haverá nada em seu computador e também não haverá meios de acessar os arquivos de forma offline.

Ah, e para desligar, tem o botão de power na tela 😀

4 comentários sobre “Jolicloud OS 1.2

  1. Antonio Caser disse:

    Não tenho conta do facebook e nem quero ter, e isso quer dizer que só acesso o Joli OS se tiver uma conta no facebook?

    Virou lixo, porque facebook é um lixo!

    • Você não é obrigado a ter uma conta no Facebook para acessar o Joli OS. Você pode usar caso tenha, mas não é obrigado. Pode inclusive usar contas de outros serviços como do Google, ou criar uma conta própria do Joli Cloud.

      []s

      • Amigo, obrigado por me responder. Eu não vi nenhuma outra opção para entrar no Joli OS a não ser um grande F do facebook na tela inicial pedindo para logar e não conseguia sair dali.

        Deve ser porque estava sem paciência neste dia.

        Vou baixar novamente o Joli OS e se tiver o mesmo problema volto a postar aqui.

        Obrigado mais uma vez.

        Abraços.

Os comentários estão desativados.